A história de Naamã é muito intrigante. O cara era herói. Havia fama. Havia glória. Havia prestigio. Porem possuía um segredo que o maltratava. Que fazia com que ele não sentisse orgulho e alegria quando as pessoas o cumprimentava e elogiava nas ruas. Tudo porque ele era leproso. Doença de pele terrível que naquele tempo tornava a pessoa impura. Chegou um dia em que Naamã venceu este obstáculo, venceu a vergonha e abriu o jogo com seu rei.

Antes de continuarmos esta história, quero lhe dizer algo em cima do que até aqui aprendemos. Primeiro, trazer uma semelhança infelizmente de muitos cristãos. Muitas vezes nosso exterior demonstra algo diferenciado do nosso interior. Pela aparência somos aceitos pelos homens. Em nossa roda de relacionamentos ninguém se preocupa com o coração. Por isso somos aceitos pelo que aparentamos e não pelo o que realmente somos. Por isso, muitas vezes simulamos ser o que não somos para ser aceitos. Quantos já sorriram para esconder seu choro? Quantos precisaram ir trabalhar ou estudar passando mal, mas aparentando estar bem? Quantos hoje estão como Naamã? Bem alinhados e fardados por fora demonstrando prontidão, mas carregando uma terrível carga por dentro.

Muitos tem medo da historia de Naamã por pensar na lepra apenas como pecado. Daí ficam com medo de se parecer com ele por causa disso. Queridão, se o segredo que hoje você carrega é o pecado, não deixa de ser uma lepra, porem Jesus pode te libertar. Mas há outras coisas que escondemos no nosso dia a dia. Eu tenho um exemplo de viver dias disfarçando a dor para os outros. Quando a minha avó estava internada, ninguém queria e nem precisava saber como estava o meu coração, porem eu vivia a vida cotidiana sem deixar transparecer. Quantas pessoas agem assim? Você olha em volta no transito, dentro do ônibus ou andando pelas vias e não sabe quem sofre. Uma mulher não sai anunciando por ai a dor de sua separação. Um homem pai de família não expressa a preocupação que ele tem de pagar a conta de luz para que sua casa não fique no escuro. Tal como você deve estar assim por fora – bem aparentado, mas por dentro há um caos em você – , eu sei como é isto, na verdade, todos sabem. E esta é a postura inicial de um cristão, mostrar-se forte, como um soldado. Pois mesmo que as coisas não vão bem, cremos que a alegria virá ao amanhecer. Cremos que o tempo do choro e as vestes de luto darão lugar as vestes reais e ao sorriso de jubilo pelas conquistas. Podemos estar na situação de Naamã, mas devemos tomar a mesma atitude que ele tomou: ABRIR O JOGO COM O NOSSO REI!

Quando Naamã soube que havia alguém que podia curá-lo, foi pedir ajuda ao rei. Naamã percebeu a gravidade de sua situação. Muitos de nós não percebemos a gravidade da nossa. Precisamos de ajuda pois sozinhos não conseguiremos e ainda assim teimamos seguir. Reconheça hoje que precisa de ajuda. Ele tem solução para a sua situação. Embora ninguém possa ter, ahhh… Ele tem uma resposta para você.

Deus te abençoe!

 

Nos adicione nos sites de relacionamento:

MSN: saulodecarlo@hotmail.com

TWITTER: www.twitter.com/saulodecarlo

ORKUT: Juventude R400

YOUTUBE: www.youtube/saulodecarlo2009

 

Comente, pois o que você pensa é muito importante para nós e nos edifica bastante. Se quiser, nos mande os seus estudos ou artigos e divulgaremos aqui no

http://www.saulodecarlo.wordpress.com

 

Paz seja com cada um de vocês!

 

Anúncios