“Eis que envio sobre vós a promessa de meu Pai; permanecei, pois, na cidade, até que do alto sejais revestidos de poder”.

(Lc 24.49 Genebra)

“Ao cumprir-se o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar, de repente, veio do céu um som, como de um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam assentados. E apareceram, distribuídas entre eles, línguas, como de fogo, e pousou uma sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e passaram a falar em outras línguas, segundo o Espírito lhes concedia que falassem. – Mas o que ocorre é que o que foi dito por intermédio do profeta Joel: E acontecerá nos últimos dias, diz o Senhor, que derramarei do meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, vossos jovens terão visões, e sonharão vossos velhos; até sobre os meus servos e sobre as minhas servas derramarei do meu Espírito naqueles dias, e profetizarão. Mostrarei prodígios em cima no céu e sinais embaixo na terra: sangue, fogo e vapor de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua, em sangue, antes que venha o grande e glorioso Dia do Senhor. E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.

(At 2.1-4,16-21)

 

“E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito”. (Ef 5.18)

A paz de Cristo. Estamos vivendo a dispensação da graça e contamos com as consolações do Espírito Santo, do qual muitos estão rejeitando.

Qual a importância da plenitude do Espírito Santo em nossas vidas? Vejamos 07 características do Espírito Santo quando somos revestidos de poder:

1)  O Espírito Santo nos dá a unção necessária para proclamação do Evangelho e revelações para edificação pessoal. Não tem como fazer a obra de Deus na carne e sem a unção que vem do Pai;

2)  O Espírito Santo derrama o amor de Deus em nossos corações: amor pelas almas perdidas, amor pelos nossos irmãos. Sem amor o evangelho perde toda a sua essência mais sublime;

3)  O Espírito Santo faz com que a palavra de Deus arda em nossos corações e mantenha o nosso altar aceso diante de Deus. A Bíblia diz em Provérbios que sem lenha o fogo se apaga;

4)  O Espírito Santo concede os dons para que possamos desenvolver o ministério com excelência. 1 Co 12.1-11;

5)  O Espírito Santo possibilita o necessário para uma vida santificada. Gl 5.16-25;

6)  O Espírito Santo é o nosso consolador, ajudador e intercede por nós com gemidos inexprimíveis. O Espírito Santo é a nossa fonte de força e poder. Por isso os discípulos esperaram 10 dias até se tornarem um exército adestrado para a batalha e para realizar prodígios, sinais e maravilhas em nome de Jesus.

Busquemos ser cheios do Espírito Santo a fim de sermos capacitados para toda boa obra até a volta de nosso Senhor Jesus Cristo.

 

Em Cristo,

Anderson Vieira

 

Anúncios